Pesquisadores desenvolvem nova bateria que contém o triplo da energia e recarrega em apenas 10 minutos

Pesquisadores da Universidade do Sul da Califórnia desenvolveram uma bateria de íons de lítio que recarrega em apenas 10 minutos e tem três vezes mais energia do que as existentes. Com o uso de nanotubos porosos, os pesquisadores fizeram o silício expandir e contrair sem quebrar, o que permite que os íons de lítio se difundam mais rapidamente e melhorem o desempenho da bateria. O projeto possui atualmente uma patente provisória e poderia estar no mercado em dois ou três anos.

As baterias de íon de lítio utilizadas atualmente geram energia pelo movimento dos íons de lítio entre folhas de grafite de carbono em cada eletrodo. Com o tempo, essas folhas se desgastam e fazem com que a capacidade de geração de energia e desempenho de descarga da bateria se degradem.

A equipe, liderada pelo professor Chongwu Zhou, da Escola de Engenharia Viterbi, usou nano-esferas comercialmente disponíveis e gravou-as com os mesmos poros que os nano-fios. Isto resultou em melhorias significativas em capacidade e performance. Com o uso de nanopartículas de silício poroso, em vez dos tradicionais ânodos de grafite, os pesquisadores conseguiram uma bateria com desempenho energético superior, que pode recarregar em 10 minutos.